Namorada de Dario Messer, doleiro dos doleiros, é presa no Rio

Namorada de Dario Messer, doleiro dos doleiros, é presa no RioNamorada de Dario Messer, Mary Athayde, fez várias viagens ao Paraguai — Foto: Reprodução

Myra de Oliveira Athayde, namorada do doleiro Dario Messer, foi presa nesta terça-feira (19) na Operação Patrón, desdobramento da Lava Jato no Rio. A Polícia Federal só conseguiu prender Messer em julho por meio de uma investigação que indicava encontros entre os dois no Paraguai.

Outro alvo da Operação Patron é Horacio Cartes, ex-presidente daquele país. Ele terá o nome inserido na difusão vermelha da Interpol. A ação busca pessoas que ajudaram Messer a ocultar dinheiro e fugir das autoridades.

Messer é conhecido como o doleiro dos doleiros e ficou foragido até que a Lava Jato identificou, entre novembro de 2018 e janeiro de 2019, quatro voos de Myra para visitá-lo no Paraguai.

A defesa de Myra informou que só se pronunciará após ter acesso ao inquérito policial e disse que considera ilegal e desnecessária prisão preventiva decretada contra a namorada do doleiro.

Namorada do doleiro Dario Messer é presa em operação da Lava Jato, no Rio de Janeiro

No dia 14 de janeiro deste ano, por exemplo, ela foi e voltou para Assunção no mesmo dia, enfrentando quatro horas de voo, no total, para ver Messer.

Dia 22/11/2018 – voo Guarulhos – Assunção. Não houve retorno aéreo internacional. Possivelmente Myra retornou por voo doméstico ou por via terrestre.
Dia 28/11/2018 – Guarulhos – Assunção. Retorno no dia seguinte -
Dia 14/01/2019 – Guarulhos – Assunção. Retorno no mesmo dia
Dia 28/01/2019 – voo Guarulhos – Assunção. Retorno no dia seguinte

Myra, amiga dos filhos dele, teria deixado Messer apaixonado, como o doleiro confidenciou a fontes ouvidas pelo G1. (G1)

 

COMPARTILHE AGORA:  

ENVIAR COMENTÁRIO