Crime Bárbaro: suspeito de matar e esquartejar ex-namorada mineira é preso em Vitória da Conquista

Crime Bárbaro: suspeito de matar e esquartejar ex-namorada mineira é preso em Vitória da Conquista

O suspeito de matar a mineira de Montes Claros, Larissa Silva de França, de 22 anos, no início de setembro, em Vitória da Conquista, cidade do sudoeste baiano, foi preso pela Polícia Civil da Bahia, nesta terça-feira (10), em Vitória da Conquista.

O suspeito era ex-namorado de Larissa e, conforme as investigações, por não aceitar o fim do relacionamento teria matado a jovem, depois esquartejado e queimado o corpo dela. A família passou a procurá-la depois que desapareceu no começo de setembro. Segundo familiares, ela informou que iria viajar com o namorado para Montes Claros, como ela não apareceu na cidade e nem antendia mais as ligações, a família iniciou as buscas.

O corpo de Larissa foi encontrado no dia 5 de setembro e estava sem os membros, parcialmente queimado e em estado de decomposição numa estrada, na Zona Rural de Planalto, a 40 quilômetros de Vitória da Conquista.

 “Após exames periciais que comprovaram a identificação do corpo e com informações sobre o desaparecimento de Larissa, iniciamos as investigações do homicídio”, explicou o chefe da Delegacia de Planalto, delegado Marcelo Moreira Cavalcanti. Ele ainda acrescentou que a vítima foi vista com vida três dias antes da localização do corpo, na companhia do ex-namorado.

Segundo o delegado, no decorrer das investigações, o acusado prestou depoimento na unidade, dando versões contraditórias. “Ele nos passou informações infundadas e deu falsos álibis, para tentar esconder a autoria do crime”, ressaltou Cavalcanti. Depois de informações e indícios levantados, a Polícia Civil da Bahia concluiu que o ex-companheiro seria o autor do crime e que cometou por não se conformar com o término do relacionamento.

O suspeito foi indiciado por femincídio e um mandado de prisão preventiva foi expedido e cumprido nesta terça-feira (10). (Blogdoanderson)

COMPARTILHE AGORA:  

ENVIAR COMENTÁRIO